Segunda-feira, 8 de Fevereiro de 2010

MOMENTO PINK

A palavra GARI vem de Aleixo Gari, nome de um antigo empresário, ligado à limpeza pública, no Rio de Janeiro. Daí, passou a denominar também os trabalhadores que fazem a coleta do lixo. Já a palavra MARGARIDA, cuja origem eu não sei, faz referência às trabalhadoras da limpeza pública, que fazem o serviço de varrição das ruas. Foram lembradas no famoso samba de Adoniran Barbosa, "Triste Margarida". Qualquer dia, registrarei nesse blog a letra do sambinha. é um verdadeiro primor.  Desconheço qual é o nome que se dá para os homens que fazem varrição de ruas. Sei que não é margarido e muito menos cravo ou omo, rinso, parquetino, minervino, etc.

ESCULHAMBAÇÃO vem do latim popular EX ( fora) e COLEONE (culhão), significando o ato de expor à genitália. Com o passar dos tempos, passou a designar rebaixamento, desordem, confusão. Diga-se de passagem que há muitos humanos de ambos os sexos que adoram o contato bem íntimo com a genitália esculhambada de seu parceiro/parceira. E pesquisas mostram que tais pessoas não se sentem rebaixadas, confusas ou sem direção.

RAMEIRA - mistura de RAMO com o sufixo EIRA. Em Portugal é sinônimo de prostituta, porque assim era chamada a mulher de baixos costumes que frequentava a tabernas que ostentavam um ramo pendurado à porta de entrada. Até hoje, as rameiras costumam dar diversos frutos, a maioria deles pouco apetecíveis ou recomendáveis. Se tivesse persistido o hábito de pendurar o ramo nos locais frequentados por pessoas de costumes duvidosos partes consideráveis das grandes metrópoles do mundo, se transformariam em verdadeiros bosques. O Congresso Nacional seria uma sucursal da floresta amazônica.

NICOTINA - foi assim denominada em homenagem a João de Nicot, , que no século XVI foi embaixador de Catarina de Médicis, além de filólogo. E já que estamos nesse assunto, a palavra TABACO, recebe esse nome por causa de sua procedência, as ilhas Tobago, nas Antilhas.

PEDIGRI - vem de grou, uma ave pernalta. Do francês "pied de grue", entrou para o inglês  e nesse idioma se transformou em PEDIGREE, gerando PEDIGRI, em português. Seu uso para indicar a linhagem de animais, se deve ao fato de que, na Inglaterra, as mudanças nos graus de uma árvore genealógica eram indicadas por traços que lembravam as patas de um grou - pied de grue"

Por hoje é só - espero que aproveitem bem os  conhecimentos ofertados. Havendo oportunidade e vontade, fornecerei mais. Eles podem ser empregados nos mais diversos momentos de nossa vida, como por exemplo, festas de aniversário, casamento, batizado, bate-papo com amigos, sala de espera de médico ou dentista, Se quiserem, também poderão a eles se referir em outros eventos, como, velórios, fila do açougue, do banco ou do mercado, durante a execução do papa nicolau ou exame de toque de próstata, na mesa de operação ou sala de parto. O saber não tem local ou hora.

 

 

 

 

 

sinto-me:
publicado por cacá às 02:37
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim

pesquisar

 

Maio 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

posts recentes

TESOUROS PERDIDOS

I WON'T CRY FOR YOU, ARGE...

VOLTEI PRO MORRO

SE...

SOSSEGADO E CRUCIFICADO

AO SUL DO EQUADOR

HABEMUS DILMA

FILHO DE PEIXE, NEM SEMPR...

arquivos

Maio 2015

Julho 2014

Abril 2014

Junho 2011

Março 2011

Novembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

tags

todas as tags

blogaqui?

já visitaram esse blog

subscrever feeds