Sábado, 6 de Novembro de 2010

HABEMUS DILMA

Dilma Vana Rousseff nem bem foi eleita e já está viajando. Ninguém sabepara onde foi e nem fazer o quê. Enquanto isso, a boataria corre livre em terras de Petelândia. Comenta-se que Dilma foi visitar o produtor cinematográfico Fábio Barreto, o autor do filme "Lula, o filho do Brasil", um dramalhão sobre as origens do atual presidente e sua trilha até chegar ao Palácio do Planalto. Dizem que o presidente Lula é o maior pé frio. Seja como for, o filme estreou no começo deste ano e, pouco tempo depois, o senhor Fábio sofreu um acidente e está até hoje em estado de coma. O filme foi um fiasco de bilheteria, mesmo assim tiveram a ousadia de escolhê-lo para representar o país na festa do Oscar. (Se ganhar, eu me gileto todo).

 

Voltando à presidente eleita, alguns eleitores mais deslumbrados dizem que a simples presença dela junto ao leito do azarado produtor, será o suficiente para retirá-lo do estado de coma no qual mergulhou. Claro, que depois disso ele, como prova de reconhecimento, fará um filme sobre a vida de tão milagreira senhora. Há muita discussão em torno do título dessa produção. Uns, inspirados em seu passado de guerrilheira e, considerando que foram os estados do Nordeste que garantiram sua vitória, querem que o filma seja intitulado "Dilma, a Joana D'Arc da Caatinga". Por favor, não comam o outro "a" da palavra, porque senão vira palavrão. No entanto, outros, inspirados nas raízes búlgaras da presidente e num romance muito famoso de Joaquim Manoel de Macedo, sugerem que o filme seja chamado "A Bulgarazinha", nome esse que já está sendo abreviado para "A Bugrinha". Finalmente, há um terceiro grupoque, lembrando os tempos em que Dilma viveu no Rio Grande do Sul, querem porque querem que o filme tenha  o título de "A Coroa da Porteira". Explica-se: lá pelos anos 1960,um compositor fez uma canção que ficou famosa: "O Menino da Porteira". O Rio Grande do Sul é famoso pela sua pecuária, coisa que lembra pasto, coisa que lembra porteira. Já que a certidão de nascimento não permite que Dilma seja chamada de menina, dai a "coroa". Quanto à posse, bem, comenta-se que ela usará roupa, sapatos e penteado bem típicos da década de 1960-1970. O pentado será um "gatinho" imenso, cabelosdesfiados e recheados com uns cinco pedaços de bom-bril, pra ficar bem armado. Claro queara segurar tudo aquilo, um laquê fortíssimo, tipo "segura tsunami" será generosamente espalhado sobre o penteado. Os sapatos serão um par de legiítimas plataformas que deirxarão Carmen Miranda morta de inveja. E a roupa será um macacão roxo semana-santa. As bocas do macacão serão imensas, tipo "varre-calçada" ou "I love Limpurb" como querem alguns mais avacalhados. E o destaque - a faixa presidencial bicolorida em verde e amarelo. Dessa forma, quem estiver nas extremidades do sistema solar conseguirá distingui-la de binóculos.

 

Meu Deus, como está tarde. Vou dormir. Qualquer dia botarei mais coisas. por aqui.

sinto-me:
tags:
publicado por cacá às 02:12
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim

pesquisar

 

Maio 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

posts recentes

TESOUROS PERDIDOS

I WON'T CRY FOR YOU, ARGE...

VOLTEI PRO MORRO

SE...

SOSSEGADO E CRUCIFICADO

AO SUL DO EQUADOR

HABEMUS DILMA

FILHO DE PEIXE, NEM SEMPR...

arquivos

Maio 2015

Julho 2014

Abril 2014

Junho 2011

Março 2011

Novembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

tags

todas as tags

blogaqui?

já visitaram esse blog

subscrever feeds